Acesso Restrito

CPRM inicia Plano Diretor de Mineração

22/02/2010

A CPRM – Serviço Geológico do Brasil, ligada ao Ministério das Minas e Energia, tem desde 2002 um departamento de gestão territorial com o objetivo de elaborar planos diretores e mapas de geodiversidade

O Coordenador do Núcleo da CPRM de Criciúma, geólogo Marlon Hoelzel, reuniu-se na tarde desta segunda-feira, 22, em Criciúma, com o Chefe Substituto do 11º. Distrito do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), Marcos Zumblick, com o Chefe do Setor de Lavra, Beneficiamento e Segurança do DNPM, Dário Moraes de Almeida, e com o Coordenador do Núcleo de Meio Ambiente do CTCL da SATC, eng. Márcio Zanuz, para iniciar os trabalhos de elaboração do Plano Diretor de Mineração para a Bacia Carbonífera de Santa Catarina. Estes trabalhos serão realizados de acordo com o Convênio de Cooperação e Apoio Técnico-Científico, assinado entre a CPRM -  Serviço Geológico do Brasil e a SATC, em 28 de abril de 2008. "A CPRM criou em 2002 um Departamento de Gestão Territorial que tem como objetivo a elaboração de planos diretores e mapas de geodiversidade, que mostram as potencialidades e limitações das unidades geológicas" esclareceu Marlon Hoelzel. Logo após o encontro, a direção da SATC informou aos prefeitos da região sobre o andamento dos trabalhos. 

O plano de trabalho terá uma área de abrangência envolvendo as bacias dos rios Tubarão, Urussanga, Araranguá e Mampituba e deverá ser facilitado em função de todo um volume de informações já existentes e sistematizadas. Isto porque, pelo Convênio firmado e em andamento, além da Elaboração do Plano Diretor de Mineração para a Bacia Carbonífera de Santa Catarina, estão também elencados os seguintes projetos: Mapeamento das Bocas de Minas Abandonadas; Apoio Técnico para a Construção de Poços de Monitoramento; Validação das Áreas Degradadas pela Mineração; Monitoramento dos Recursos Hídricos Superficiais; Monitoramento Microbiológico; Monitoramento dos Recursos Hídricos Subterrâneos (aqüífero profundo); Monitoramento de DAM (drenagem ácida) em Bocas de Minas Abandonadas; Monitoramento Específico na Área onde será construído o CTCL (Centro de Tecnologia do Carvão Limpo) e Apoio à Elaboração do Projeto Executivo para Fechamento de BMA ( boca de mina abandonada).



Mais informações:
Joice Quadros
Diene Lemos
Assessoria de Imprensa do SIECESC
Fone: (48) 3431-7603
imprensa@carvaomineral.com.br

    Somos associados

     

  • CIAB
  • epe
  • World Coal Association
  • Global CCS Institute

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351