Acesso Restrito

Carvão mineral está nos planos do governo federal

07/04/2009

Até 2030, passam dos atuais 1400 MW para 6.500 MW a produção de energia elétrica a carvão mineral no Brasil. Esta é a previsão feita pelo Secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia (MME),  Josias de Matos Araújo, que nesta terça-feira, 8, visitou a Mina Verdinho da Carbonífera Criciúma, em Forquilhinha (SC). "O Brasil tem um potencial muito grande de reservas de carvão mineral em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul para sustentar esta expansão", afirmou.
O secretário disse que gostou de visitar a mina, onde encontrou pessoas motivadas trabalhando e os devidos cuidados com a questão ambiental. "Aqui as minas já estão no padrão ISO 14000, atentas à qualidade do produto, ao ambiente e às pessoas, questões fundamentais para projetos desta envergadura", declarou.
Enfatizando que "sem energia não há desenvolvimento", fez referências a todas as demais formas de geração de energia, principalmente as renováveis, que tem políticas específicas no âmbito do MME. À noite, o secretário falou sobre "oportunidades e desafios para o setor elétrico, em franca expansão", para os alunos da SATC.



Mais informações:
Joice Quadros
Diene Lemos
Assessoria de Imprensa do SIECESC
Fone: (48) 3431-7603
imprensa@carvaomineral.com.br

 

    Somos associados

     

  • CIAB
  • epe
  • World Coal Association
  • Global CCS Institute

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351