Acesso Restrito
Array
(
    [0] => 1
    [i_empresa] => 1
    [1] => 525
    [i_conteudo] => 525
    [2] => 0
    [i_subarea] => 0
    [3] => 2015-09-22
    [dt_conteudo] => 2015-09-22
    [4] => Carbonífera Metropolitana faz semana comemorativa
    [titulo] => Carbonífera Metropolitana faz semana comemorativa
    [5] => 
    [autor] => 
    [6] => A empresa organiza a partir de terça-feira, 22/09 uma grande exposição com uma réplica de galeria de mina, equipamentos de mineração e estandes temáticos
    [resumo] => A empresa organiza a partir de terça-feira, 22/09 uma grande exposição com uma réplica de galeria de mina, equipamentos de mineração e estandes temáticos
    [7] => 

A Carbonífera Metropolitana inicia nesta terça-feira as comemorações dos seus 125 anos de atividade. O evento de abertura, dia 22/09, terá a presença de autoridades, a partir das 19h30min, quando será aberta oficialmente uma exposição com estantes, máquinas de mineração e a reprodução de uma galeria de mina com recursos audiovisuais. A mostra ocorrerá até o próximo sábado, no escritório central da empresa, localizado na praça Nereu Ramos, em Criciúma.

A proposta da empresa é mostrar à comunidade como é feita a mineração de carvão, com uso de equipamentos modernos e focada na sustentabilidade ambiental e segurança no trabalho.

Aberta à visitação pública e gratuita, a mostra vai traçar um paralelo do passado e presente na mineração de carvão no Sul Catarinense, através de fotos históricas da empresa, que mostram os primórdios da extração de carvão e como esta foi evoluindo até os dias de hoje. Entre estes objetos será exposto o primeiro livro Diário, com apontamentos do início das atividades da Companhia Colonizadora Metropolitana, datado de 04 de janeiro de 1891. Este livro centenário foi totalmente restaurado pela empresa, juntamente com os demais diários que mostram dados contábeis.

Na galeria de mina os visitantes terão a ideia exata de como é o processo de lavra e beneficiamento do carvão na mina Fontanella, localizada na cidade de Treviso. Nos estantes os visitantes conhecerão as ações de meio ambiente, saúde e segurança no trabalho, produção e beneficiamento da empresa.

As comemorações de aniversário acontecem ao longo de toda a semana, com visitação de escolas à exposição e eventos paralelos junto aos acionistas das empresas Guglielmi, proprietária da Carbonífera Metropolitana, colaboradores, fornecedores e ex-funcionários.

A exposição vai acontecer a partir da quarta-feira, durante manhã e tarde. No sábado o público poderá visitar o local até o meio dia.

A centenária história da Metropolitana iniciou oficialmente no dia 24 de setembro de 1890, no Rio de Janeiro, com o objetivo de realizar o assentamento de colonos italianos na região de Nova Veneza, Nova Treviso, atual Treviso, Nova Belluno, atual Siderópolis, Jordão e Belvedere.

Hoje a mineradora é certificada pela sua gestão da qualidade e ambiental, com a ISO 9001 e 14001. Gera mais de 800 empregos, produção anual de mais de 580 mil toneladas de carvão em 2014, extraídos na Mina Fontanella, em Treviso. A produção é destinada à geração de energia no Complexo Termelétrico Jorge Lacerda, em Capivari de Baixo.

O controle acionário da empresa pertence a família Guglielmi e a diretoria executiva é formada pelo Diretor Administrativo e Financeiro, Edson Jamel Hertel, e pelo Diretor Comercial e de Produção, Cláudio Ivan Faraco Wasniewski.

[conteudo] =>

A Carbonífera Metropolitana inicia nesta terça-feira as comemorações dos seus 125 anos de atividade. O evento de abertura, dia 22/09, terá a presença de autoridades, a partir das 19h30min, quando será aberta oficialmente uma exposição com estantes, máquinas de mineração e a reprodução de uma galeria de mina com recursos audiovisuais. A mostra ocorrerá até o próximo sábado, no escritório central da empresa, localizado na praça Nereu Ramos, em Criciúma.

A proposta da empresa é mostrar à comunidade como é feita a mineração de carvão, com uso de equipamentos modernos e focada na sustentabilidade ambiental e segurança no trabalho.

Aberta à visitação pública e gratuita, a mostra vai traçar um paralelo do passado e presente na mineração de carvão no Sul Catarinense, através de fotos históricas da empresa, que mostram os primórdios da extração de carvão e como esta foi evoluindo até os dias de hoje. Entre estes objetos será exposto o primeiro livro Diário, com apontamentos do início das atividades da Companhia Colonizadora Metropolitana, datado de 04 de janeiro de 1891. Este livro centenário foi totalmente restaurado pela empresa, juntamente com os demais diários que mostram dados contábeis.

Na galeria de mina os visitantes terão a ideia exata de como é o processo de lavra e beneficiamento do carvão na mina Fontanella, localizada na cidade de Treviso. Nos estantes os visitantes conhecerão as ações de meio ambiente, saúde e segurança no trabalho, produção e beneficiamento da empresa.

As comemorações de aniversário acontecem ao longo de toda a semana, com visitação de escolas à exposição e eventos paralelos junto aos acionistas das empresas Guglielmi, proprietária da Carbonífera Metropolitana, colaboradores, fornecedores e ex-funcionários.

A exposição vai acontecer a partir da quarta-feira, durante manhã e tarde. No sábado o público poderá visitar o local até o meio dia.

A centenária história da Metropolitana iniciou oficialmente no dia 24 de setembro de 1890, no Rio de Janeiro, com o objetivo de realizar o assentamento de colonos italianos na região de Nova Veneza, Nova Treviso, atual Treviso, Nova Belluno, atual Siderópolis, Jordão e Belvedere.

Hoje a mineradora é certificada pela sua gestão da qualidade e ambiental, com a ISO 9001 e 14001. Gera mais de 800 empregos, produção anual de mais de 580 mil toneladas de carvão em 2014, extraídos na Mina Fontanella, em Treviso. A produção é destinada à geração de energia no Complexo Termelétrico Jorge Lacerda, em Capivari de Baixo.

O controle acionário da empresa pertence a família Guglielmi e a diretoria executiva é formada pelo Diretor Administrativo e Financeiro, Edson Jamel Hertel, e pelo Diretor Comercial e de Produção, Cláudio Ivan Faraco Wasniewski.

[8] => [palavra_chave] => [9] => S [publica] => S [10] => 0 [i_usuario] => 0 [11] => 2015-09-24 14:54:03 [dt_sistema] => 2015-09-24 14:54:03 [12] => [foto] => [13] => [capa] => )

Carbonífera Metropolitana faz semana comemorativa

22/09/2015

A Carbonífera Metropolitana inicia nesta terça-feira as comemorações dos seus 125 anos de atividade. O evento de abertura, dia 22/09, terá a presença de autoridades, a partir das 19h30min, quando será aberta oficialmente uma exposição com estantes, máquinas de mineração e a reprodução de uma galeria de mina com recursos audiovisuais. A mostra ocorrerá até o próximo sábado, no escritório central da empresa, localizado na praça Nereu Ramos, em Criciúma.

A proposta da empresa é mostrar à comunidade como é feita a mineração de carvão, com uso de equipamentos modernos e focada na sustentabilidade ambiental e segurança no trabalho.

Aberta à visitação pública e gratuita, a mostra vai traçar um paralelo do passado e presente na mineração de carvão no Sul Catarinense, através de fotos históricas da empresa, que mostram os primórdios da extração de carvão e como esta foi evoluindo até os dias de hoje. Entre estes objetos será exposto o primeiro livro Diário, com apontamentos do início das atividades da Companhia Colonizadora Metropolitana, datado de 04 de janeiro de 1891. Este livro centenário foi totalmente restaurado pela empresa, juntamente com os demais diários que mostram dados contábeis.

Na galeria de mina os visitantes terão a ideia exata de como é o processo de lavra e beneficiamento do carvão na mina Fontanella, localizada na cidade de Treviso. Nos estantes os visitantes conhecerão as ações de meio ambiente, saúde e segurança no trabalho, produção e beneficiamento da empresa.

As comemorações de aniversário acontecem ao longo de toda a semana, com visitação de escolas à exposição e eventos paralelos junto aos acionistas das empresas Guglielmi, proprietária da Carbonífera Metropolitana, colaboradores, fornecedores e ex-funcionários.

A exposição vai acontecer a partir da quarta-feira, durante manhã e tarde. No sábado o público poderá visitar o local até o meio dia.

A centenária história da Metropolitana iniciou oficialmente no dia 24 de setembro de 1890, no Rio de Janeiro, com o objetivo de realizar o assentamento de colonos italianos na região de Nova Veneza, Nova Treviso, atual Treviso, Nova Belluno, atual Siderópolis, Jordão e Belvedere.

Hoje a mineradora é certificada pela sua gestão da qualidade e ambiental, com a ISO 9001 e 14001. Gera mais de 800 empregos, produção anual de mais de 580 mil toneladas de carvão em 2014, extraídos na Mina Fontanella, em Treviso. A produção é destinada à geração de energia no Complexo Termelétrico Jorge Lacerda, em Capivari de Baixo.

O controle acionário da empresa pertence a família Guglielmi e a diretoria executiva é formada pelo Diretor Administrativo e Financeiro, Edson Jamel Hertel, e pelo Diretor Comercial e de Produção, Cláudio Ivan Faraco Wasniewski.

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351