Acesso Restrito
Array
(
    [0] => 1
    [i_empresa] => 1
    [1] => 457
    [i_conteudo] => 457
    [2] => 0
    [i_subarea] => 0
    [3] => 2015-04-18
    [dt_conteudo] => 2015-04-18
    [4] => Frente Parlamentar do Carvão Mineral apresenta ações durante Seminário Nacional de Energia em Bagé
    [titulo] => Frente Parlamentar do Carvão Mineral apresenta ações durante Seminário Nacional de Energia em Bagé
    [5] => 
    [autor] => 
    [6] => O III Seminário Nacional de Energia para o Desenvolvimento em Bagé foi realizado nesta sexta-feira, na Unipampa de Bagé e no Museu Dom Diogo de Souza, da Urcamp.
    [resumo] => O III Seminário Nacional de Energia para o Desenvolvimento em Bagé foi realizado nesta sexta-feira, na Unipampa de Bagé e no Museu Dom Diogo de Souza, da Urcamp.
    [7] => 

O III Seminário Nacional de Energia para o Desenvolvimento em Bagé foi realizado nesta sexta-feira, na Unipampa de Bagé e no Museu Dom Diogo de Souza, da Urcamp. O evento foi promovido pela Comissão Municipal do Carvão Mineral como fonte geradora de energia elétrica da Câmara de Vereadores de Bagé. O deputado federal Afonso Hamm (PP-RS), presidente da Frente Parlamentar do Carvão Mineral, participou da abertura do evento. O evento que teve como enfoque o carvão mineral, a energia eólica, a pesquisa científica, a eficiência energética na iluminação pública e a qualificação da mão de obra.

 

Afonso Hamm salientou sobre a importância deste segmento que irá promover o desenvolvimento regional, com estabelecimento de políticas públicas e novos investimentos que irão fortalecer o setor tanto na área social, ambiental e de segurança energética, com aproveitamento da riqueza existente. O deputado destacou atuação a Frente Parlamentar do Congresso Nacional, que teve como forte luta a inclusão do carvão mineral no leilão de energia A-5 e que resultou na venda de energia pela Tractbel Energia, para construção da UTE Pampa Sul em Candiota. Hamm ainda abordou sobre os demais projetos existentes para o setor, na região da campanha, carbonífera e Santa Catarina, com a construção de usinas e também nos investimentos para produzir fertilizantes, gaseificação do carvão mineral e a implantação do Eco Parque Industrial.

 

Participação

 

Os pronunciamentos de abertura ficaram por conta do presidente da Comissão do Carvão Mineral, Vereador Caio Ferreira; professor do curso de energia da Unipampa, Hélvio Reck; vice-reitor da Unipampa, Almir Neto; pró-reitor de Administração, Altamiro Rocha; presidente da Câmara de Veradores, Divaldo Lara; pró-reitor de Administração da Urcamp, Aurelino Rocha; prefeito de Bagé Eduardo Colombo; deputado federal Fernando Marroni. Também participaram da explanação, o presidente da Associação Brasileira do Carvão Mineral, Fernando Zancan e o deputado federal catarinense, Edinho Bez. O evento contou com prefeitos, vereadores da região da campanha, região carbonífera do RS e SC, alunos do curso de Energia e representantes das entidades ligadas ao setor.

 

Caio Ferreira enfatizou sobre a importância deste evento para debater o setor energético, que neste momento enfrenta uma crise, com aumento das tarifas e dificuldade de fornecimento. Na oportunidade, Caio, Hamm e Zancan lançaram a proposta de realização de um Fórum Permanente do Desenvolvimento com o tema Energia, para tratar toda cadeia produtiva e que será realizado todos os anos em municípios diferentes.  O Projeto da nova Usina em Candiota foi apresentado pelo representante da Tractbel Energia, Hugo Stamm, que abordou sobre o investimento na ordem de R$ 2 bilhões, com a geração de dois mil empregos diretos e cinco mil indiretos.

[conteudo] =>

O III Seminário Nacional de Energia para o Desenvolvimento em Bagé foi realizado nesta sexta-feira, na Unipampa de Bagé e no Museu Dom Diogo de Souza, da Urcamp. O evento foi promovido pela Comissão Municipal do Carvão Mineral como fonte geradora de energia elétrica da Câmara de Vereadores de Bagé. O deputado federal Afonso Hamm (PP-RS), presidente da Frente Parlamentar do Carvão Mineral, participou da abertura do evento. O evento que teve como enfoque o carvão mineral, a energia eólica, a pesquisa científica, a eficiência energética na iluminação pública e a qualificação da mão de obra.

 

Afonso Hamm salientou sobre a importância deste segmento que irá promover o desenvolvimento regional, com estabelecimento de políticas públicas e novos investimentos que irão fortalecer o setor tanto na área social, ambiental e de segurança energética, com aproveitamento da riqueza existente. O deputado destacou atuação a Frente Parlamentar do Congresso Nacional, que teve como forte luta a inclusão do carvão mineral no leilão de energia A-5 e que resultou na venda de energia pela Tractbel Energia, para construção da UTE Pampa Sul em Candiota. Hamm ainda abordou sobre os demais projetos existentes para o setor, na região da campanha, carbonífera e Santa Catarina, com a construção de usinas e também nos investimentos para produzir fertilizantes, gaseificação do carvão mineral e a implantação do Eco Parque Industrial.

 

Participação

 

Os pronunciamentos de abertura ficaram por conta do presidente da Comissão do Carvão Mineral, Vereador Caio Ferreira; professor do curso de energia da Unipampa, Hélvio Reck; vice-reitor da Unipampa, Almir Neto; pró-reitor de Administração, Altamiro Rocha; presidente da Câmara de Veradores, Divaldo Lara; pró-reitor de Administração da Urcamp, Aurelino Rocha; prefeito de Bagé Eduardo Colombo; deputado federal Fernando Marroni. Também participaram da explanação, o presidente da Associação Brasileira do Carvão Mineral, Fernando Zancan e o deputado federal catarinense, Edinho Bez. O evento contou com prefeitos, vereadores da região da campanha, região carbonífera do RS e SC, alunos do curso de Energia e representantes das entidades ligadas ao setor.

 

Caio Ferreira enfatizou sobre a importância deste evento para debater o setor energético, que neste momento enfrenta uma crise, com aumento das tarifas e dificuldade de fornecimento. Na oportunidade, Caio, Hamm e Zancan lançaram a proposta de realização de um Fórum Permanente do Desenvolvimento com o tema Energia, para tratar toda cadeia produtiva e que será realizado todos os anos em municípios diferentes.  O Projeto da nova Usina em Candiota foi apresentado pelo representante da Tractbel Energia, Hugo Stamm, que abordou sobre o investimento na ordem de R$ 2 bilhões, com a geração de dois mil empregos diretos e cinco mil indiretos.

[8] => [palavra_chave] => [9] => S [publica] => S [10] => 0 [i_usuario] => 0 [11] => 2015-04-19 20:52:16 [dt_sistema] => 2015-04-19 20:52:16 [12] => [foto] => [13] => [capa] => )

Frente Parlamentar do Carvão Mineral apresenta ações durante Seminário Nacional de Energia em Bagé

18/04/2015

O III Seminário Nacional de Energia para o Desenvolvimento em Bagé foi realizado nesta sexta-feira, na Unipampa de Bagé e no Museu Dom Diogo de Souza, da Urcamp. O evento foi promovido pela Comissão Municipal do Carvão Mineral como fonte geradora de energia elétrica da Câmara de Vereadores de Bagé. O deputado federal Afonso Hamm (PP-RS), presidente da Frente Parlamentar do Carvão Mineral, participou da abertura do evento. O evento que teve como enfoque o carvão mineral, a energia eólica, a pesquisa científica, a eficiência energética na iluminação pública e a qualificação da mão de obra.

 

Afonso Hamm salientou sobre a importância deste segmento que irá promover o desenvolvimento regional, com estabelecimento de políticas públicas e novos investimentos que irão fortalecer o setor tanto na área social, ambiental e de segurança energética, com aproveitamento da riqueza existente. O deputado destacou atuação a Frente Parlamentar do Congresso Nacional, que teve como forte luta a inclusão do carvão mineral no leilão de energia A-5 e que resultou na venda de energia pela Tractbel Energia, para construção da UTE Pampa Sul em Candiota. Hamm ainda abordou sobre os demais projetos existentes para o setor, na região da campanha, carbonífera e Santa Catarina, com a construção de usinas e também nos investimentos para produzir fertilizantes, gaseificação do carvão mineral e a implantação do Eco Parque Industrial.

 

Participação

 

Os pronunciamentos de abertura ficaram por conta do presidente da Comissão do Carvão Mineral, Vereador Caio Ferreira; professor do curso de energia da Unipampa, Hélvio Reck; vice-reitor da Unipampa, Almir Neto; pró-reitor de Administração, Altamiro Rocha; presidente da Câmara de Veradores, Divaldo Lara; pró-reitor de Administração da Urcamp, Aurelino Rocha; prefeito de Bagé Eduardo Colombo; deputado federal Fernando Marroni. Também participaram da explanação, o presidente da Associação Brasileira do Carvão Mineral, Fernando Zancan e o deputado federal catarinense, Edinho Bez. O evento contou com prefeitos, vereadores da região da campanha, região carbonífera do RS e SC, alunos do curso de Energia e representantes das entidades ligadas ao setor.

 

Caio Ferreira enfatizou sobre a importância deste evento para debater o setor energético, que neste momento enfrenta uma crise, com aumento das tarifas e dificuldade de fornecimento. Na oportunidade, Caio, Hamm e Zancan lançaram a proposta de realização de um Fórum Permanente do Desenvolvimento com o tema Energia, para tratar toda cadeia produtiva e que será realizado todos os anos em municípios diferentes.  O Projeto da nova Usina em Candiota foi apresentado pelo representante da Tractbel Energia, Hugo Stamm, que abordou sobre o investimento na ordem de R$ 2 bilhões, com a geração de dois mil empregos diretos e cinco mil indiretos.

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351