Acesso Restrito
Array
(
    [0] => 1
    [i_empresa] => 1
    [1] => 408
    [i_conteudo] => 408
    [2] => 0
    [i_subarea] => 0
    [3] => 2015-01-13
    [dt_conteudo] => 2015-01-13
    [4] => Capacidade de geração das usinas elétricas chega a 130.391 MW
    [titulo] => Capacidade de geração das usinas elétricas chega a 130.391 MW
    [5] => Portal Brasil
    [autor] => Portal Brasil
    [6] => Publicação da CCEE informa que novas usinas adicionaram um total de 544 MW no Sistema Interligado Nacional (SIN)
    [resumo] => Publicação da CCEE informa que novas usinas adicionaram um total de 544 MW no Sistema Interligado Nacional (SIN)
    [7] => 

A capacidade instalada em usinas de geração de energia elétrica no Brasil teve acréscimo de 544 MW (0,42%) em novembro, na comparação com outubro, totalizando 130.391 MW. Já a efetiva produção das 1.201 usinas cadastradas na Câmara de Comercialização de Energia (CCEE) somou 63.169 MW médios no Sistema Interligado Nacional (SIN) em novembro, o que significa um aumento de 0,4% se comparado com mesmo período de 2013.

O volume gerado representa retração de 1% frente a outubro e alta de 0,4% na comparação com novembro de 2013. Na comparação entre os meses de janeiro a novembro de 2013 e o mesmo período do ano passado, verifica-se que houve incremento de 2,3% em 2014, com destaque para as eólicas, que aumentaram a produção em 78,1%.

Analisado o mesmo período de comparação, observa-se que as usinas térmicas registraram aumento de 24,1% em 2014, sendo as térmicas a óleo e bicombustível as que registraram maior variação na produção, com 60,6%.

Ainda segundo o Informativo, a geração hidráulica apresentou redução de 0,6% em relação a outubro de 2014 e 10,4% em relação a novembro de 2013.

O destaque da geração no mês foi o incremento na geração das térmicas a carvão mineral, de 11,9% e 5,2%, respectivamente, em relação ao mês anterior e ao mesmo período do ano passado. As usinas térmicas a óleo e bicombustível tiveram um incremento de 87,5%, enquanto as usinas eólicas 78,5%, em relação ao mesmo período do ano passado.

A evolução da capacidade das unidades geradoras em operação comercial registradas na CCEE em novembro resultou num acréscimo de 0,42% (544 MW) em relação a outubro de 2014 e de 5,18% (6.418 MW) em comparação a dezembro de 2013. Os destaques dentre as novas usinas que entraram em operação ou que tiveram aumento de capacidade no ano foram unidades geradoras das usinas hidrelétricas de Santo Antônio (1.158 MW) e Jirau (1.275 MW).

Em novembro de 2014, 14 novas usinas foram incluídas no sistema de contabilização da CCEE, sendo três térmicas a biomassa, uma hidráulica, seis PCHs e quatro eólicas.

Fonte:
Câmara de Comercialização de Energia Elétrica

[conteudo] =>

A capacidade instalada em usinas de geração de energia elétrica no Brasil teve acréscimo de 544 MW (0,42%) em novembro, na comparação com outubro, totalizando 130.391 MW. Já a efetiva produção das 1.201 usinas cadastradas na Câmara de Comercialização de Energia (CCEE) somou 63.169 MW médios no Sistema Interligado Nacional (SIN) em novembro, o que significa um aumento de 0,4% se comparado com mesmo período de 2013.

O volume gerado representa retração de 1% frente a outubro e alta de 0,4% na comparação com novembro de 2013. Na comparação entre os meses de janeiro a novembro de 2013 e o mesmo período do ano passado, verifica-se que houve incremento de 2,3% em 2014, com destaque para as eólicas, que aumentaram a produção em 78,1%.

Analisado o mesmo período de comparação, observa-se que as usinas térmicas registraram aumento de 24,1% em 2014, sendo as térmicas a óleo e bicombustível as que registraram maior variação na produção, com 60,6%.

Ainda segundo o Informativo, a geração hidráulica apresentou redução de 0,6% em relação a outubro de 2014 e 10,4% em relação a novembro de 2013.

O destaque da geração no mês foi o incremento na geração das térmicas a carvão mineral, de 11,9% e 5,2%, respectivamente, em relação ao mês anterior e ao mesmo período do ano passado. As usinas térmicas a óleo e bicombustível tiveram um incremento de 87,5%, enquanto as usinas eólicas 78,5%, em relação ao mesmo período do ano passado.

A evolução da capacidade das unidades geradoras em operação comercial registradas na CCEE em novembro resultou num acréscimo de 0,42% (544 MW) em relação a outubro de 2014 e de 5,18% (6.418 MW) em comparação a dezembro de 2013. Os destaques dentre as novas usinas que entraram em operação ou que tiveram aumento de capacidade no ano foram unidades geradoras das usinas hidrelétricas de Santo Antônio (1.158 MW) e Jirau (1.275 MW).

Em novembro de 2014, 14 novas usinas foram incluídas no sistema de contabilização da CCEE, sendo três térmicas a biomassa, uma hidráulica, seis PCHs e quatro eólicas.

Fonte:
Câmara de Comercialização de Energia Elétrica

[8] => [palavra_chave] => [9] => S [publica] => S [10] => 0 [i_usuario] => 0 [11] => 2015-01-22 13:11:06 [dt_sistema] => 2015-01-22 13:11:06 [12] => [foto] => [13] => [capa] => )

Capacidade de geração das usinas elétricas chega a 130.391 MW

13/01/2015

Portal Brasil

A capacidade instalada em usinas de geração de energia elétrica no Brasil teve acréscimo de 544 MW (0,42%) em novembro, na comparação com outubro, totalizando 130.391 MW. Já a efetiva produção das 1.201 usinas cadastradas na Câmara de Comercialização de Energia (CCEE) somou 63.169 MW médios no Sistema Interligado Nacional (SIN) em novembro, o que significa um aumento de 0,4% se comparado com mesmo período de 2013.

O volume gerado representa retração de 1% frente a outubro e alta de 0,4% na comparação com novembro de 2013. Na comparação entre os meses de janeiro a novembro de 2013 e o mesmo período do ano passado, verifica-se que houve incremento de 2,3% em 2014, com destaque para as eólicas, que aumentaram a produção em 78,1%.

Analisado o mesmo período de comparação, observa-se que as usinas térmicas registraram aumento de 24,1% em 2014, sendo as térmicas a óleo e bicombustível as que registraram maior variação na produção, com 60,6%.

Ainda segundo o Informativo, a geração hidráulica apresentou redução de 0,6% em relação a outubro de 2014 e 10,4% em relação a novembro de 2013.

O destaque da geração no mês foi o incremento na geração das térmicas a carvão mineral, de 11,9% e 5,2%, respectivamente, em relação ao mês anterior e ao mesmo período do ano passado. As usinas térmicas a óleo e bicombustível tiveram um incremento de 87,5%, enquanto as usinas eólicas 78,5%, em relação ao mesmo período do ano passado.

A evolução da capacidade das unidades geradoras em operação comercial registradas na CCEE em novembro resultou num acréscimo de 0,42% (544 MW) em relação a outubro de 2014 e de 5,18% (6.418 MW) em comparação a dezembro de 2013. Os destaques dentre as novas usinas que entraram em operação ou que tiveram aumento de capacidade no ano foram unidades geradoras das usinas hidrelétricas de Santo Antônio (1.158 MW) e Jirau (1.275 MW).

Em novembro de 2014, 14 novas usinas foram incluídas no sistema de contabilização da CCEE, sendo três térmicas a biomassa, uma hidráulica, seis PCHs e quatro eólicas.

Fonte:
Câmara de Comercialização de Energia Elétrica

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351