Acesso Restrito
Array
(
    [0] => 1
    [i_empresa] => 1
    [1] => 357
    [i_conteudo] => 357
    [2] => 0
    [i_subarea] => 0
    [3] => 2014-07-15
    [dt_conteudo] => 2014-07-15
    [4] => Sector mineiro de Moçambique em expansão rápida diz ministra Bias
    [titulo] => Sector mineiro de Moçambique em expansão rápida diz ministra Bias
    [5] => 
    [autor] => 
    [6] => A ministra dos Recursos Minerais de Moçambique, Esperança Bias disse no parlamento, em Maputo, que o sector mineiro do país continua a expandir-se rapidamente proporcionando mais emprego e a abertura de novos negócios, segundo refere a Agência de Informação de Moçambique.
    [resumo] => A ministra dos Recursos Minerais de Moçambique, Esperança Bias disse no parlamento, em Maputo, que o sector mineiro do país continua a expandir-se rapidamente proporcionando mais emprego e a abertura de novos negócios, segundo refere a Agência de Informação de Moçambique.
    [7] => 

A ministra dos Recursos Minerais de Moçambique, Esperança Bias disse no parlamento, em Maputo, que o sector mineiro do país continua a expandir-se rapidamente proporcionando mais emprego e a abertura de novos negócios, segundo refere a Agência de Informação de Moçambique.

“Nos últimos anos realizamos uma série de levantamentos dos recursos minerais de Moçambique e descobrimos grandes depósitos de minerais nomeadamente grafite e ferro” disse.

Esperança Bias revelou que as exportações de carvão provenientes da província de Tete vão atingir em 2014 sensivelmente 6,5 milhões de toneladas. Em 2012 foram exportadas 3,8 milhões de toneladas de carvão com um valor de 370 milhões de dólares.

A ministra indicou que até ao momento foram autorizadas sete concessões para exploração de carvão em Tete e que as companhias que operam na zona estão a trabalhar no sentido de criar meios de transportes que possam levar aos portos moçambicanos 11 milhões de toneladas por ano a partir de 2015, número que aumentará para 13 milhões de toneladas em 2016 e 18 milhões de toneladas em 2017.

Esperança Bias considerou que as empresas  que exploram o carvão de Tete têm contribuído significativamente para a criação de postos de trabalho e a abertura de pequena se médias empresas em Moçambique.(macauhub/MZ)

[conteudo] =>

A ministra dos Recursos Minerais de Moçambique, Esperança Bias disse no parlamento, em Maputo, que o sector mineiro do país continua a expandir-se rapidamente proporcionando mais emprego e a abertura de novos negócios, segundo refere a Agência de Informação de Moçambique.

“Nos últimos anos realizamos uma série de levantamentos dos recursos minerais de Moçambique e descobrimos grandes depósitos de minerais nomeadamente grafite e ferro” disse.

Esperança Bias revelou que as exportações de carvão provenientes da província de Tete vão atingir em 2014 sensivelmente 6,5 milhões de toneladas. Em 2012 foram exportadas 3,8 milhões de toneladas de carvão com um valor de 370 milhões de dólares.

A ministra indicou que até ao momento foram autorizadas sete concessões para exploração de carvão em Tete e que as companhias que operam na zona estão a trabalhar no sentido de criar meios de transportes que possam levar aos portos moçambicanos 11 milhões de toneladas por ano a partir de 2015, número que aumentará para 13 milhões de toneladas em 2016 e 18 milhões de toneladas em 2017.

Esperança Bias considerou que as empresas  que exploram o carvão de Tete têm contribuído significativamente para a criação de postos de trabalho e a abertura de pequena se médias empresas em Moçambique.(macauhub/MZ)

[8] => [palavra_chave] => [9] => S [publica] => S [10] => 0 [i_usuario] => 0 [11] => 2014-07-23 13:50:38 [dt_sistema] => 2014-07-23 13:50:38 [12] => [foto] => [13] => [capa] => )

Sector mineiro de Moçambique em expansão rápida diz ministra Bias

15/07/2014

A ministra dos Recursos Minerais de Moçambique, Esperança Bias disse no parlamento, em Maputo, que o sector mineiro do país continua a expandir-se rapidamente proporcionando mais emprego e a abertura de novos negócios, segundo refere a Agência de Informação de Moçambique.

“Nos últimos anos realizamos uma série de levantamentos dos recursos minerais de Moçambique e descobrimos grandes depósitos de minerais nomeadamente grafite e ferro” disse.

Esperança Bias revelou que as exportações de carvão provenientes da província de Tete vão atingir em 2014 sensivelmente 6,5 milhões de toneladas. Em 2012 foram exportadas 3,8 milhões de toneladas de carvão com um valor de 370 milhões de dólares.

A ministra indicou que até ao momento foram autorizadas sete concessões para exploração de carvão em Tete e que as companhias que operam na zona estão a trabalhar no sentido de criar meios de transportes que possam levar aos portos moçambicanos 11 milhões de toneladas por ano a partir de 2015, número que aumentará para 13 milhões de toneladas em 2016 e 18 milhões de toneladas em 2017.

Esperança Bias considerou que as empresas  que exploram o carvão de Tete têm contribuído significativamente para a criação de postos de trabalho e a abertura de pequena se médias empresas em Moçambique.(macauhub/MZ)

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351