Acesso Restrito
Array
(
    [0] => 1
    [i_empresa] => 1
    [1] => 325
    [i_conteudo] => 325
    [2] => 0
    [i_subarea] => 0
    [3] => 2014-05-17
    [dt_conteudo] => 2014-05-17
    [4] => Carvão é um dos produtos mais transportados pelos trilhos
    [titulo] => Carvão é um dos produtos mais transportados pelos trilhos
    [5] => 
    [autor] => 
    [6] => A movimentação de cargas pelas concessionárias de ferrovias, no ano passado, obteve um desempenho de 1,8% maior do que em 2012.
    [resumo] => A movimentação de cargas pelas concessionárias de ferrovias, no ano passado, obteve um desempenho de 1,8% maior do que em 2012.
    [7] => 

A movimentação de cargas pelas concessionárias de ferrovias, no ano passado, obteve um desempenho de 1,8% maior do que em 2012. A quantidade transportada aumentou de 481 milhões de toneladas úteis para 490 milhões, no período.
 
Conforme reportagem do jornal Notisul, estas e outras informações fazem parte do balanço do Transporte Ferroviário de Cargas de 2013, divulgado nesta semana, pelo presidente-executivo da Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF), Rodrigo Vilaça. 
 
“Mesmo com a retração da economia brasileira, a queda nas exportações e as chuvas, as concessionárias conseguiram elevar o percentual da movimentação de cargas de um ano para o outro. Isto demonstra que estamos avançando, mesmo com as dificuldades da economia”, destaca Rodrigo.
 
Os principais produtos transportados foram o minério de ferro e o carvão, responsáveis por 75,71% da movimentação, seguidos pelos produtos do agronegócio, com 14,86%. Os investimentos privados no setor geraram reflexos diretos na produção ferroviária, fator que aumentou a eficiência operacional das malhas concedidas. Prova disto é que a produção ferroviária que aumentou 1,1% em 2013, comparando com o ano anterior. A produção subiu de 297,8 bilhões de toneladas por quilômetro útil (TKU) para 301 bilhões de TKU.

[conteudo] =>

A movimentação de cargas pelas concessionárias de ferrovias, no ano passado, obteve um desempenho de 1,8% maior do que em 2012. A quantidade transportada aumentou de 481 milhões de toneladas úteis para 490 milhões, no período.
 
Conforme reportagem do jornal Notisul, estas e outras informações fazem parte do balanço do Transporte Ferroviário de Cargas de 2013, divulgado nesta semana, pelo presidente-executivo da Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF), Rodrigo Vilaça. 
 
“Mesmo com a retração da economia brasileira, a queda nas exportações e as chuvas, as concessionárias conseguiram elevar o percentual da movimentação de cargas de um ano para o outro. Isto demonstra que estamos avançando, mesmo com as dificuldades da economia”, destaca Rodrigo.
 
Os principais produtos transportados foram o minério de ferro e o carvão, responsáveis por 75,71% da movimentação, seguidos pelos produtos do agronegócio, com 14,86%. Os investimentos privados no setor geraram reflexos diretos na produção ferroviária, fator que aumentou a eficiência operacional das malhas concedidas. Prova disto é que a produção ferroviária que aumentou 1,1% em 2013, comparando com o ano anterior. A produção subiu de 297,8 bilhões de toneladas por quilômetro útil (TKU) para 301 bilhões de TKU.

[8] => [palavra_chave] => [9] => S [publica] => S [10] => 0 [i_usuario] => 0 [11] => 2014-05-27 16:35:52 [dt_sistema] => 2014-05-27 16:35:52 [12] => [foto] => [13] => [capa] => )

Carvão é um dos produtos mais transportados pelos trilhos

17/05/2014

A movimentação de cargas pelas concessionárias de ferrovias, no ano passado, obteve um desempenho de 1,8% maior do que em 2012. A quantidade transportada aumentou de 481 milhões de toneladas úteis para 490 milhões, no período.
 
Conforme reportagem do jornal Notisul, estas e outras informações fazem parte do balanço do Transporte Ferroviário de Cargas de 2013, divulgado nesta semana, pelo presidente-executivo da Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF), Rodrigo Vilaça. 
 
“Mesmo com a retração da economia brasileira, a queda nas exportações e as chuvas, as concessionárias conseguiram elevar o percentual da movimentação de cargas de um ano para o outro. Isto demonstra que estamos avançando, mesmo com as dificuldades da economia”, destaca Rodrigo.
 
Os principais produtos transportados foram o minério de ferro e o carvão, responsáveis por 75,71% da movimentação, seguidos pelos produtos do agronegócio, com 14,86%. Os investimentos privados no setor geraram reflexos diretos na produção ferroviária, fator que aumentou a eficiência operacional das malhas concedidas. Prova disto é que a produção ferroviária que aumentou 1,1% em 2013, comparando com o ano anterior. A produção subiu de 297,8 bilhões de toneladas por quilômetro útil (TKU) para 301 bilhões de TKU.

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351