Acesso Restrito
Array
(
    [0] => 1
    [i_empresa] => 1
    [1] => 265
    [i_conteudo] => 265
    [2] => 0
    [i_subarea] => 0
    [3] => 2014-01-24
    [dt_conteudo] => 2014-01-24
    [4] => Carvão de Candiota terá Projeto de Pesquisa e Desenvolvimento para gaseificação
    [titulo] => Carvão de Candiota terá Projeto de Pesquisa e Desenvolvimento para gaseificação
    [5] => Leonardo Nunes
    [autor] => Leonardo Nunes
    [6] => A Secretaria de Infraestrutura e Logística do Estado (Seinfra) assegurou, nesta sexta-feira (24), a realização do projeto de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) para gaseificação do carvão de Candiota, proposto pela Companhia Riograndense de Mineração (CRM).
    [resumo] => A Secretaria de Infraestrutura e Logística do Estado (Seinfra) assegurou, nesta sexta-feira (24), a realização do projeto de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) para gaseificação do carvão de Candiota, proposto pela Companhia Riograndense de Mineração (CRM).
    [7] => 

A Secretaria de Infraestrutura e Logística do Estado (Seinfra) assegurou, nesta sexta-feira (24), a realização do projeto de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) para gaseificação do carvão de Candiota, proposto pela Companhia Riograndense de Mineração (CRM). Conforme o secretário adjunto da Seinfra, João Matos, o Estado pretende ampliar o escopo das análises às jazidas de Cachoeira do Sul e Minas do Leão. Segundo ele, a medida visa garantir maior aprofundamento nos conhecimentos sobre os diversos tipos de carvão no Rio Grande do Sul, o que deverá facilitar futuros investimentos. 

O diretor-geral da Seinfra, Alexandre Stolte, ressaltou que a divulgação da proposta entregue pela CRM no início de 2014 vem atraindo o interesse de empresas nacionais e estrangeiras. Conforme Stolte, o próximo passo é criar um Termo de Referência para contratação dos serviços e balizar o convênio, ou, dependendo o número de interessados, a realização de uma licitação para o serviço. 

O processo de pesquisa levará em conta os aspectos diversificados do carvão gaúcho e suas características distintas. O objetivo é apontar novos mercados ao minério que tragam retorno econômico e social em termos de energia limpa, abundante e economicamente viável. 

A gaseificação consiste na transformação de carvão em energia através de reações químicas que combinam o carvão e o oxigênio decompondo poluentes, gerando gás que pode ser convertido em eletricidade, combustíveis e fertilizantes. Tendo como principais componentes o hidrogênio e o monóxido de carbono, o gás de síntese gerado é o ponto de partida para diversos produtos, podendo produzir simultaneamente mais de um derivado.

Texto e foto: Leonardo Nunes
Edição: Redação Secom (51)3210-4305

[conteudo] =>

A Secretaria de Infraestrutura e Logística do Estado (Seinfra) assegurou, nesta sexta-feira (24), a realização do projeto de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) para gaseificação do carvão de Candiota, proposto pela Companhia Riograndense de Mineração (CRM). Conforme o secretário adjunto da Seinfra, João Matos, o Estado pretende ampliar o escopo das análises às jazidas de Cachoeira do Sul e Minas do Leão. Segundo ele, a medida visa garantir maior aprofundamento nos conhecimentos sobre os diversos tipos de carvão no Rio Grande do Sul, o que deverá facilitar futuros investimentos. 

O diretor-geral da Seinfra, Alexandre Stolte, ressaltou que a divulgação da proposta entregue pela CRM no início de 2014 vem atraindo o interesse de empresas nacionais e estrangeiras. Conforme Stolte, o próximo passo é criar um Termo de Referência para contratação dos serviços e balizar o convênio, ou, dependendo o número de interessados, a realização de uma licitação para o serviço. 

O processo de pesquisa levará em conta os aspectos diversificados do carvão gaúcho e suas características distintas. O objetivo é apontar novos mercados ao minério que tragam retorno econômico e social em termos de energia limpa, abundante e economicamente viável. 

A gaseificação consiste na transformação de carvão em energia através de reações químicas que combinam o carvão e o oxigênio decompondo poluentes, gerando gás que pode ser convertido em eletricidade, combustíveis e fertilizantes. Tendo como principais componentes o hidrogênio e o monóxido de carbono, o gás de síntese gerado é o ponto de partida para diversos produtos, podendo produzir simultaneamente mais de um derivado.

Texto e foto: Leonardo Nunes
Edição: Redação Secom (51)3210-4305

[8] => [palavra_chave] => [9] => S [publica] => S [10] => 0 [i_usuario] => 0 [11] => 2014-02-03 09:51:24 [dt_sistema] => 2014-02-03 09:51:24 [12] => [foto] => [13] => [capa] => )

Carvão de Candiota terá Projeto de Pesquisa e Desenvolvimento para gaseificação

24/01/2014

Leonardo Nunes

A Secretaria de Infraestrutura e Logística do Estado (Seinfra) assegurou, nesta sexta-feira (24), a realização do projeto de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) para gaseificação do carvão de Candiota, proposto pela Companhia Riograndense de Mineração (CRM). Conforme o secretário adjunto da Seinfra, João Matos, o Estado pretende ampliar o escopo das análises às jazidas de Cachoeira do Sul e Minas do Leão. Segundo ele, a medida visa garantir maior aprofundamento nos conhecimentos sobre os diversos tipos de carvão no Rio Grande do Sul, o que deverá facilitar futuros investimentos. 

O diretor-geral da Seinfra, Alexandre Stolte, ressaltou que a divulgação da proposta entregue pela CRM no início de 2014 vem atraindo o interesse de empresas nacionais e estrangeiras. Conforme Stolte, o próximo passo é criar um Termo de Referência para contratação dos serviços e balizar o convênio, ou, dependendo o número de interessados, a realização de uma licitação para o serviço. 

O processo de pesquisa levará em conta os aspectos diversificados do carvão gaúcho e suas características distintas. O objetivo é apontar novos mercados ao minério que tragam retorno econômico e social em termos de energia limpa, abundante e economicamente viável. 

A gaseificação consiste na transformação de carvão em energia através de reações químicas que combinam o carvão e o oxigênio decompondo poluentes, gerando gás que pode ser convertido em eletricidade, combustíveis e fertilizantes. Tendo como principais componentes o hidrogênio e o monóxido de carbono, o gás de síntese gerado é o ponto de partida para diversos produtos, podendo produzir simultaneamente mais de um derivado.

Texto e foto: Leonardo Nunes
Edição: Redação Secom (51)3210-4305

Rua Pascoal Meller, 73 - Bairro Universitário - CEP 88.805-380 - CP 362 - Criciúma - Santa Catarina
Tel. (48) 3431.8350/Fax: (48) 3431.8351